Oscar Niemeyer morre aos 104 anos.

00:41 Junior Lopes 0 Comentários

Oscar Niemeyer
O arquiteto Oscar Niemeyer. 


Considerado o arquiteto do século XX

Suas obras são destaque no Brasil e no mundo


Segundo o site G1 Rio, o arquiteto Oscar Niemeyer, que estava internado desde o dia 02 de novembro no Hospital Samaritano (Zona Sul do Rio de Janeiro), faleceu às 21h55 do dia 05 de dezembro, às vésperas de completar 105 anos. As causas da morte ainda não foram divulgadas, mas o último boletim médico informava que o arquiteto respirava com ajuda de aparelhos e estava sedado devido a uma infecção respiratória. O corpo do arquiteto será velado em Brasília e enterrado no Rio de Janeiro.

Em mais de setenta anos de carreira, Niemeyer teve obras de destaque construídas no Brasil e no mundo.

----------
Nos próximos parágrafos, conheça mais sobre a vida de Niemeyer, por meio de suas próprias palavras.
::: As informações a seguir foram integralmente retiradas do site www.niemeyer.org.br :::

1907 - Nascimento:
Nasce em 15 de dezembro, no Rio de Janeiro, filho de Oscar Niemeyer Soares e Delfina Ribeiro de Almeida.

"Meu nome deveria ser Oscar Ribeiro Soares ou Oscar Ribeiro de Almeida de Niemeyer Soares, mas prevaleceu o nome estrangeiro e acabei conhecido como Oscar Niemeyer.

Minhas origens são muitas, o que me agrada particularmente: Ribeiro e Soares, portugueses; Almeida, árabe; e Niemeyer, alemão. E isso sem levar em conta algum negro ou índio que, sem o sabermos, também faça parte da nossa família.
Pela memória vou recordar a casa das Laranjeiras, percorrê-la outra vez, lembrar como nela vivíamos, rindo ou chorando como o destino obriga.
Ali nasci, cresci e me casei com Annita. Nela nasceu minha filha Anna Maria.
Era uma casa assobradada, com seis janelas na fachada, tendo no frontispício as iniciais RA, do meu avô Ribeiro de Almeida. "

1928 - Casamento com Annita Baldo
"Estávamos em 1928, ano em que me casei com Annita Baldo. Uma moça bonita, modesta, filha de imigrantes italianos provenientes de Pádua, perto de Veneza.

Nessa época eu ainda não tinha tomado rumo certo. Ao contrário, levava vida boêmia e despreocupada e tudo me parecia bem.

Mas, depois de casado, comecei a compreender a responsabilidade que assumira e fui trabalhar na tipografia do meu pai, entrando depois para a Escola Nacional de Belas Artes.
Lembro os primeiros tempos. Annita a me ajudar nos desenhos da escola e eu a dividir minha vida entre a arquitetura e a tipografia."

1934 - Forma-se na Escola de Belas Artes



Obtém o diploma de engenheiro arquiteto, no Rio de Janeiro.

"... Mesmo assim, já sentia que a arquitetura me convocava. Lembro que foi durante esse período, ainda no escritório do Lúcio, que terminei meu curso de arquiteto, classificado, com Milton Roberto, em primeiro lugar."
1940 - Conhece JK 
Conhece o prefeito de Belo Horizonte, Juscelino Kubitschek, que o convida a desenvolver o projeto do Conjunto da Pampulha.

"... E foi nessa ocasião que conheci Juscelino Kubistchek, candidato a prefeito de Belo Horizonte.

Fiz o projeto, que mostrei a Benedito, mas o assunto só foi retomado meses depois, quando JK, prefeito da cidade, novamente me convocou.
No dia combinado voltei a Belo Horizonte com Rodrigo. Tornei a conversar com JK, que me explicou: 'Quero criar um bairro de lazer na Pampulha, um bairro lindo como outro não existe no país. Com cassino, clube, igreja e restaurante, e precisava do projeto do cassino para amanhã'. E o atendi, elaborando durante a noite no quarto do Hotel Central o que me pedira."
1945 - O PCB
Ingressa no Partido Comunista Brasileiro.

"Fui sempre um revoltado. Da família católica eu esquecera os velhos preconceitos, e o mundo parecia-me injusto, inaceitável. A miséria a se multiplicar como se fosse coisa natural e inaceitável. Entrei para o partido comunista, abraçado pelo pensamento de Marx que sigo até hoje."

1956 - O convite para Brasília
Convidado pelo presidente da República, Juscelino Kubitschek, para projetar a nova capital do Brasil, é nomeado diretor do Departamento de Urbanismo e Arquitetura da Novacap e encarregado de organizar o concurso para escolha do plano-piloto de Brasília, participando também da comissão julgadora.

"Comecei a meditar sobre Brasília numa manhã de setembro de 1956, quando Juscelino Kubitschek, descendo do carro à porta da minha casa, na Estrada da Gávea, me convidou para acompanhá-lo à cidade e expôs o problema durante o trajeto. Minha primeira reação surgiu do interesse, tanto profissional como afetivo, que esse homem me inspirava: eu via a preocupação de um velho amigo ao qual estava ligado por outros trabalhos, outras dificuldades e por uma longa e fiel amizade. A partir desse dia, comecei a viver em função de Brasília."
1965 - Protesto e demissão da UNB
Demite-se da Universidade de Brasília com outros duzentos professores, em protesto contra a invasão da instituição em 1964 e contra a política universitária instaurada com o governo militar.

"Correram os tempos, tivemos Jânio e Jango Goulart e tudo mudou outra vez, com o golpe militar que durante anos pesou sobre nós.

O Governador de Brasília exigia minha demissão; o Ministro da Aeronáutica dizia que lugar de arquiteto comunista era em Moscou; meu projeto para o aeroporto foi rejeitado; a Universidade de Brasília que Darcy Ribeiro, com tanto talento e coragem, tinha criado, invadida pelos militares, meu escritório e a revista Módulo que dirigi saqueados. Deixei a Universidade de Brasília com duzentos professores e segui para o exterior com minhas mágoas e a minha arquitetura."
1967 - Instala-se na França
Militares embargam o projeto do aeroporto de Brasília. Impedido de trabalhar no Brasil, decide instalar-se em Paris. O general De Gaulle lhe concede autorização para exercer sua profissão na França.

"Os problemas começaram com o caso do aeroporto, e meu projeto foi recusado por ser circular. 'A solução de um aeroporto deve ser extensível', disse o diretor de Engenharia da Aeronáutica, brigadeiro Henrique Castro Neves. Extensível, já naquela época, era solução superada que deveriam rejeitar. Circular, ao contrário, era a solução correta. Assim, foi construído, anos depois, em Paris, o aeroporto Charles De Gaulle, e no Brasil, pelos que me criticavam, o aeroporto do Galeão, no Rio.

(...) Mas a vida continuava. André Malraux consegue de De Gaulle um decreto especial que me permite trabalhar na França como arquiteto. Pessoas importantes como Boumediene, Mondadori, Sartre e o PCF a me apoiarem, os trabalhos se multiplicando e a minha arquitetura conhecida por toda a parte."
1972 - Escritório em Paris
Abre seu escritório no número 90 da avenida Champs- Elysées, em Paris, denominado SEPARC - Societé d'Études pour Les Projects d'Architecture d'Oscar Niemeyer.

"Gostávamos de Paris. Paris de Gide, Baudelaire, Malraux e Camus. Paris a lembrar revolução e liberdade.

O velho Sena a correr tranqüilo, indiferente à vida e aos homens. Os Champs Elysées com seu calçadão, suas vitrines e cafés, suas lindas mulheres.
Paris do Boulevard Raspail, onde vivi depois. Dos prédios de igual altura, das janelas altas e sacadas tantas vezes floridas. Paris de Sartre e Simone de Beauvoir, de Aragon e Nizan.
Como gostávamos dessa cidade! A nos convidar para melhor conhecê-la, sentar no café da Coupole e tomar um copo de vinho.
Paris dos palácios reais, dos grandes parques de Boulogne e Fontainebleau. Paris da Rive Gauche, por onde andaram Fitzgerald, Hemingway, Gris e Cocteau; da Rotonde, do Flore e Deux Magots."

1988 - Prêmio Pritzker de Arquitetura

É condecorado com o Prêmio Pritzker de Arquitetura, em Chicago, nos Estados Unidos.

"Primeiro foram os muros de pedra, depois os arcos, as cúpulas e voûtes e o arquiteto perplexo a procura do vão maior. Agora é o concreto armado a oferecer todas as fantasias, os vãos imensos, os balanços extraordinários. E nele a arquitetura se integra, desprezando os velhos preconceitos que durante anos a desvirtuaram, contestando a opção racionalista, monótona, repetida, tão fácil de elaborar, que durante anos desceu ostensivamente sobre as calçadas. Mas a preocupação com a beleza, a fantasia, a surpresa arquitetura predominaram e o que vai ficar como testemunho da nossa época não será uma arquitetura menor, feita com régua e esquadro mas a arquitetura que a técnica atual sugere, leve, criadora, solta no espaço, a procura do espetáculo arquitetural.

"L' inattendu, l' irrégularité, la surprise, L' étonnement sont une partie essentiellen Et une caractéristique de la béauté.", já dizia Charles Baudelaire.
Eis, meus amigos, o que lhes tinha a dizer sobre a arquitetura. Uma prática que durante anos me prendeu em êxtase sobre a prancheta, a atender governos e classes dominantes, revoltado com a miséria imensa que pesa sobre o mundo, miséria que a injustiça social esquece e à nossa profissão impede atender."

1999 - Primeira obra de ficção 

Publica, no Brasil, Diante do nada, sua primeira obra de ficção.

"Com este texto, sem preocupação literária, desejo apenas esclarecer os que me estimam, estudantes, colegas, desconhecidos que me fazem parar na rua solidários, sobre o que penso da vida, dos homens, deste universo fantástico que nos cerca.

É a história de um jovem que se preocupa com o mundo e seus semelhantes e que no drama do ser humano se integra, lutando desesperadamente."
2004 - Falece Annita Niemeyer
Falece no Rio de Janeiro a esposa de Niemeyer, Annita.

"Em tudo isso eu pensava naquela noite. A conversa com os amigos terminara cedo, e no meu apartamento, ao lado de Annita, via na televisão a sua novela predileta. Olho para ela com ternura. Como foi bonita! O rosto como sempre apoiado na mão direita, a sorrir do que se passava na tela, ou apreensiva, se nela surgiam as maldades do mundo.

E lembrava nosso casamento 60 anos atrás, nossa querida filha Anna Maria, e ela a cuidar de tudo com a abnegação própria de suas origens italianas.
E os momentos felizes que juntos vivemos, me vinham à memória. As viagens pelo mundo: Paris, Nova Iorque, Lisboa, Madri, Buenos Aires e Moscou.
E a lembrava na Praça de São Marcos, em Veneza, a rir, feliz, com os pombos sobre os ombros, ou em Nova Iorque, onde longos meses ficamos, recostados na relva do Central Park, enquanto Anna Maria, pequenina, corria atrás dos esquilos..."
----------

O site G1 também destacou as principais obras do arquiteto que, mesmo centenário, ainda continuava produzindo, confira:
  • 2007
    • CENTRO CULTURAL EM VALPARAÍSO
      • Valparaíso, Chile
    • PARQUE BOA VIAGEM
      • Recife, PE, Brasil
    • MEMORIAL JOÃO GOULART
      • Brasília, DF, Brasil
    • TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL
      • Brasília, DF, Brasil
    • MONUMENTO SIMON BOLIVAR
      • Caracas, Venezuela
    • MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO
      • São Paulo, SP, Brasil
    • MEMORIAL DOS PRESIDENTES
      • Brasília, DF, Brasil
    • SAMBÓDROMO DE BRASÍLIA
      • Brasília, DF, Brasil
    • UNIVERSIDADE DE CIÊNCIAS E INFORMÁTICA
      • Havana, Cuba
  • 2006
    • AUDITÓRIO DO MST - MOVIMENTO DOS TRABALHADORES RURAIS SEM TERRA
      • (Auditório da Escola Nacional Florestan Fernandes)
      • Guararema, SP, Brasil
    • CAMINHO DA SOBERANIA NACIONAL
      • Porto Alegre, RS, Brasil
    • MEMORIAL LEONEL BRIZOLA
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • PARQUE DA CIDADE
      • Natal RN, Brasil
    • SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA - ESCOLA NACIONAL DE MAGISTRATURA E CONSELHO DA JUSTIÇA FEDERAL
      • Brasília, DF, Brasil
  • 2003
    • PAVILHÃO DA SERPENTINE GALLERY
      • Londres, Inglaterra
  • 2002
    • CENTRO CULTURAL DE DUQUE DE CAXIAS
      • Duque de Caxias, RJ, Brasil
    • CAMINHO NIEMEYER - PRAÇA JUSCELINO KUBITCHECK
      • Niterói, RJ, Brasil
  • 2001
    • CAMINHO NIEMEYER - MUSEU DO CINEMA BRASILEIRO
      • Niterói, RJ, Brasil
    • MUSEU DO PARANÁ (MUSEU OSCAR NIEMEYER)
      • Curitiba, PR, Brasil
    • HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNIVERSIDADE DO NORTE FLUMINENSE - UENF
      • Campos, RJ, Brasil
  • 2000
    • CENTRO ADMINISTRATIVO
      • Goiânia, GO, Brasil
    • ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL - SEDE
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1999
    • CAMINHO NIEMEYER - PRAÇA DAS ÁGUAS
      • Niterói, RJ, Brasil
    • CAMINHO NIEMEYER - ESTAÇÃO HIDROVIÁRIA DE CHARITAS
      • Niterói, RJ, Brasil
  • 1998
    • MEMORIAL CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE
      • Itabira, MG, Brasil
    • MEMORIAL PARANAENSE DA COLUNA PRESTES
      • Centro Cultural de Santa Helena
      • Santa Helena, PR, Brasil
    • MEMORIAL MARIA ARAGÃO
      • São Luís, MA, Brasil
    • MONUMENTO MARCO DE TOUROS
      • RN, Brasil
  • 1997
    • CAMINHO NIEMEYER EM NITERÓI
      • Niterói, RJ, Brasil
      • PRAÇA: Catedral Católica
      • Templo Batista
      • Estação das Barcas S.A.
      • Estação Aerobarcos
      • Fundação Oscar Niemeyer
      • Teatro
      • Memorial Roberto Silveira
      • Capela
      • Anfiteatro
      • Apoio
  • 1996
    • MONUMENTO ELDORADO MEMÓRIA
      • Marabá, PA, Brasil
  • 1995
    • MARCO À COLUNA PRESTES EM SANTO ÂNGELO
      • Santo Ângelo, RS, Brasil
    • PROCURADORIA GERAL DA REPUBLICA
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1994
    • CAMAROTES INTERMEDIÁRIOS DO SAMBÓDROMO
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1993
    • MONUMENTO LEONEL BRIZOLA – UENF
      • Campos, RJ, Brasil
  • 1992
    • CATEDRAL MILITAR DO BRASIL
      • Brasília, DF, Brasil
    • UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE FLUMINENSE
      • Campos, RJ, Brasil
    • MEMORIAL DA COLUNA PRESTES EM TOCANTINS
      • Palmas, TO, Brasil
  • 1991
    • MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA DE NITERÓI
      • Niterói, RJ, Brasil
    • PARLAMENTO LATINO-AMERICANO
      • São Paulo, SP, Brasil
    • ALTAR PARA MISSA PAPAL
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1990
    • PÓLO DE CULTURA E ARTE POPULAR DE SÃO PAULO
      • São Paulo, SP, Brasil
    • RESIDÊNCIA ORESTES QUÉRCIA
      • Pedregulho, SP, Brasil
    • TEATRO EM ARARAS
      • Araras, SP, Brasil
    • SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL - ANEXO II
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1989
    • CAPELA SANTA CECÍLIA
      • Miguel Pereira, RJ, Brasil
    • ESPAÇO LUCIO COSTA
      • Brasília, DF, Brasil
    • ESTÁDIO POLIVALENTE EM BARRETOS
      • Barretos, SP, Brasil
    • MONUMENTO IX DE NOVEMBRO
      • Volta Redonda, RJ, Brasil
    • PRAÇA DE OXUM
      • Salvador, BA, Brasil
    • SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA - SEDE
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1988
    • CASA DO TEATRO AMADOR
      • Brasília, DF, Brasil
    • FUNDAÇÃO OSCAR NIEMEYER EM BRASíLIA
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1987
    • JORNAL L'HUMANITÉ - SEDE
      • Saint Denis (Paris), Seine-Saint Denis, França
    • MARCO BRASÍLIA PATRIMÔNIO DA HUMANIDADE
      • Brasília, DF, Brasil
    • MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA (ADMINISTRAÇÃO, AUDITÓRIO, BIBLIOTECA, PASSARELA, PAVILHÃO DA CRIATIVIDADE, RECEPÇÃO, RESTAURANTE, SALÃO DE ATOS)
      • São Paulo, SP, Brasil
    • RELÓGIO DE SOL
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1986
    • CASA DO CANTADOR
      • Ceilândia, Brasil
    • IGREJA ORTODOXA
      • Brasília, DF, Brasil
    • CENTRO DE TREINAMENTO DO BANCO DO BRASIL
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1985
    • MONUMENTO A TANCREDO NEVES
      • Juiz de Fora, Brasil
    • PANTEÃO DA LIBERDADE E DA DEMOCRACIA TANCREDO NEVES
      • Brasília, DF, Brasil
    • RESIDÊNCIA MARCO ANTÔNIO REZENDE
      • Ilha Bela, Brasil
  • 1984
    • MEMORIAL DA CABANAGEM
      • Belém, PA, Brasil
  • 1983
    • PASSARELA DO SAMBA
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • RESIDÊNCIA CARLOS MIRANDA
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • RESIDÊNCIA DARCY RIBEIRO
      • Maricá, Brasil
    • SALÃO POLIVALENTE EM VACARIA
      • Vacaria, RS, Brasil
  • 1982
    • MUSEU DO ÍNDIO
      • Brasília, DF, Brasil
    • UNIDADE DO SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO EM COPACABANA
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1980
    • MEMORIAL JK - 2º PROJETO
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1979
    • CARTIERE BURGO - SEDE
      • San Mauro Torinese (Turim), Piemonte, Itália
  • 1978
    • CONGRESSO NACIONAL - CÂMARA DOS DEPUTADOS - ANEXO IV
      • Brasília, DF, Brasil
    • ESCOLA FRANCESA
      • Brasília, DF, Brasil
    • MINISTÉRIOS-PADRÃO - ANEXO
      • Brasília, DF, Brasil
    • TERMINAL RODOVIÁRIO EM LONDRINA
      • Londrina, PR, Brasil
    • EDIFÍCIO MANCHETE
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1976
    • ALIANÇA FRANCESA - AMPLIAÇÃO
      • Brasília, DF, Brasil
    • COLÉGIO MILITAR
      • Brasília, DF, Brasil
    • RESIDÊNCIA WILSON MIRZA NO RIO DE JANEIRO
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • TÚMULO DE JUSCELINO KUBITSCHEK
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1975
    • FATA ENGINEERING - SEDE
      • Pianezza (Turim), Piemonte, Itália
  • 1974
    • MINISTÉRIO DAS RELAÇÕES EXTERIORES - ANEXO II
      • Brasília, DF, Brasil
    • RESIDÊNCIA FLÁVIO MARCÍLIO
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1973
    • CENTRO DE ESTUDOS E CONVENÇÕES DA ASSOCIAÇÃO MÉDICA DO RIO GRANDE DO SUL
      • Porto Alegre, Brasil
    • EDIFÍCIO OSCAR NIEMEYER
      • Brasília, DF, Brasil
    • RESIDÊNCIA DO VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA - 2º PROJETO
      • Brasília, DF, Brasil
    • TELEBRÁS - SEDE
      • Brasília, DF, Brasil
    • TERMINAL RODO-FERROVIÁRIO
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1972
    • BOLSA DO TRABALHO DE BOBIGNY
      • Bobigny, França
    • CENTRO CULTURAL DE LE HAVRE
      • Le Havre, Seine-Maritime, França
    • EDIFÍCIO DENASA
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1971
    • CONGRESSO NACIONAL - CÂMARA DOS DEPUTADOS - ANEXO III
      • Brasília, DF, Brasil
    • ESTÁDIO PRESIDENTE MÉDICI
      • Recife, Brasil
    • SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL - ANEXO I
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1969
    • CENTRO DA BARRA
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • RESIDÊNCIA FREDERICO GOMES
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • UNIVERSIDADE DE CONSTANTINE - 1ª ETAPA
      • Constantine, Argélia
  • 1968
    • QUARTEL GENERAL DO EXÉRCITO
      • Brasília, DF, Brasil
    • RESIDÊNCIA NARA MONDADORI
      • Cap-Ferrat, Alpes Maritimes, França
    • UNIVERSIDADE DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS DE ARGEL
      • Argel, Argélia
    • EDITORA MONDADORI - SEDE - 2º PROJETO
      • Segrate (Milão), Lombardia, Itália
    • HOTEL NACIONAL
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1967
    • INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DO PARANÁ
      • Curitiba, Brasil
    • PONTE COSTA E SILVA
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1966
    • HOTEL E CASSINO NA ILHA DA MADEIRA
      • Funchal, Madeira, Portugal
    • MANCHETE - SEDE
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1965
    • CONGRESSO NACIONAL - CÂMARA DOS DEPUTADOS - ANEXO II
      • Brasília, DF, Brasil
    • PARTIDO COMUNISTA FRANCÊS - SEDE
      • Paris, França
  • 1964
    • UNIVERSIDADE DE HAIFA
      • Haifa, Israel
  • 1962
    • FEIRA INTERNACIONAL E PERMANENTE DO LÍBANO
      • Trípoli, Liban-Nord, Líbano
    • HABITAÇÕES PRÉ-FABRICADAS MINISTÉRIO DA JUSTIÇA
      • Brasília, DF, Brasil
    • MINISTÉRIO DAS RELAÇÕES EXTERIORES - 2º PROJETO
      •  Brasília, DF, Brasil
    • PAMPULHA IATE CLUBE
      • Belo Horizonte, MG, Brasil
    • TOURING CLUB - SEDE E SALA DE EXPOSIÇÃO
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1961
    • POMBAL
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1960
    • RESIDÊNCIA DO ARQUITETO EM BRASÍLIA
      • Brasília, DF, Brasil
    • UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA - CEPLAN
      • Brasília, DF, Brasil
    • UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA - INSTITUTO DE CIÊNCIAS
      • Brasília, DF, Brasil
    • UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA - INSTITUTO DE TEOLOGIA
      • Brasília, DF, Brasil
    • EDIFÍCIO BARÃO DE MAUÁ
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • IGREJA DE SÃO DANIEL
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1959
    • CINE BRASÍLIA
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1958
    • CAPELA NOSSA SENHORA DE FÁTIMA
      • Brasília, DF, Brasil
    • CATEDRAL DE BRASÍLIA
      • Brasília, DF, Brasil
    • CONGRESSO NACIONAL
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1957
    • BRASÍLIA PALACE HOTEL
      • Brasília, DF, Brasil
    • CAPELA DO PALÁCIO DA ALVORADA
      • Brasília, DF, Brasil
    • PALÁCIO DA ALVORADA
      • Brasília, DF, Brasil
    • MINISTÉRIOS-PADRÃO
      • Brasília, DF, Brasil
    • MUSEU DA FUNDAÇÃO DE BRASÍLIA
      • Brasília, DF, Brasil
    • PALÁCIO DO PLANALTO
      • Brasília, DF, Brasil
    • SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL
      • Brasília, DF, Brasil
    • TEATRO NACIONAL
      • Brasília, DF, Brasil
  • 1956
    • RESIDÊNCIA PROVISÓRIA DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA
      • Brasília, DF, Brasil
    • CLUBE BOTAFOGO DE FUTEBOL E REGATAS
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1955
    • BIBLIOTECA ESTADUAL DE BELO HORIZONTE
      • Belo Horizonte, MG, Brasil
    • EDIFÍCIO EIFFEL
      • São Paulo, SP, Brasil
    • EDIFÍCIO RESIDENCIAL PARA O BAIRRO HANSA
      • Berlim, Alemanha
    • FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • INTERMAK - SEDE
      • Niterói, Brasil
  • 1954
    • EDIFÍCIO NIEMEYER
      • Belo Horizonte, MG, Brasil
    • ESCOLA ESTADUAL MILTON CAMPOS
      • Belo Horizonte, MG, Brasil
    • FÁBRICA ERICSSON
      • São José dos Campos, SP, Brasil
    • RESIDÊNCIA ALBERTO DALVA SIMÃO
      • Belo Horizonte, MG, Brasil
    • RESIDÊNCIA CAVANELAS
      • Pedro do Rio, Brasil
    • EDIFÍCIO TRIÂNGULO
      • São Paulo, SP, Brasil
  • 1953
    • BANCO MINEIRO DA PRODUÇÃO
      • Belo Horizonte, MG, Brasil
    • COLÉGIOS ESTADUAIS
      • Campo Grande e Corumbá, MS, Brasil
    • EDIFÍCIO ITATIAIA
      • Campinas, SP, Brasil
    • RESIDÊNCIA SERGIO BUARQUE DE HOLANDA
      • São Paulo, SP, Brasil
  • 1952
    • HOSPITAL SUL AMÉRICA
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • ESTAÇÃO DE TELEVISÃO DOS DIÁRIOS ASSOCIADOS
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • RESIDÊNCIA DO ARQUITETO NA ESTRADA DAS CANOAS
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • RESIDÊNCIA LEONEL MIRANDA
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1951
    • CONJUNTO COPAN
      • São Paulo, SP, Brasil
    • CONJUNTO IBIRAPUERA - MARQUISE DO IBIRAPUERA
      • São Paulo, SP, Brasil
    • CONJUNTO IBIRAPUERA - PALÁCIO DA AGRICULTURA
      • São Paulo, SP, Brasil
    • CONJUNTO IBIRAPUERA - PALÁCIO DAS ARTES
      • São Paulo, SP, Brasil
    • CONJUNTO IBIRAPUERA - PALÁCIO DAS INDÚSTRIAS
      • São Paulo, SP, Brasil
    • CONJUNTO IBIRAPUERA - PALÁCIO DAS NAÇÕES
      • São Paulo, SP, Brasil
    • CONJUNTO IBIRAPUERA - PALÁCIO DOS ESTADOS
      • São Paulo, SP, Brasil
    • CONJUNTO IBIRAPUERA
      • São Paulo, SP, Brasil
    • CONJUNTO JUSCELINO KUBITSCHEK
      • Belo Horizonte, MG, Brasil
    • EDIFÍCIO CALIFÓRNIA
      • São Paulo, SP, Brasil
    • ESCOLA JÚLIA KUBITSCHEK EM DIAMANTINA
      • Diamantina, MG, Brasil
    • HOTEL TIJUCO
      • Diamantina, MG, Brasil
  • 1950
    • CLUBE DOS 500
      • Guaratinguetá, Brasil
    • CLUBE EM DIAMANTINA
      • Diamantina, MG, Brasil
    • EDIFÍCIO DE ESCRITÓRIOS MONTREAL
      • São Paulo, SP, Brasil
    • FÁBRICA DUCHEN
      • São Paulo, SP, Brasil
  • 1949
    • EMPRESAS GRÁFICAS O CRUZEIRO - SEDE
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1947
    • ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS - SEDE
      • Nova York, Estados Unidos
    • CENTRO TÉCNICO DA AERONÁUTICA
      • São José dos Campos, SP, Brasil
  • 1946
    • BANCO BOAVISTA - SEDE
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • COLÉGIO CATAGUASES
      • Cataguases, MG, Brasil
  • 1942
    • RESIDÊNCIA DO ARQUITETO NA LAGOA
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
    • RESIDÊNCIA HERBERT JOHNSON
      • Fortaleza, CE, Brasil
    • RESIDÊNCIA JUSCELINO KUBITSCHEK
      • Belo Horizonte, MG, Brasil
    • RESIDÊNCIA PRUDENTE DE MORAES NETO
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1941
    • RESIDÊNCIA FRANCISCO PEIXOTO
      • Cataguases, MG, Brasil
  • 1940
    • CONJUNTO DA PAMPULHA (CASA DO BAILE, CASSINO DA PAMPULHA, IATE CLUBE DA PAMPULHA, IGREJA DA PAMPULHA)
      • Belo Horizonte, MG, Brasil
  • 1939
    • PAVILHÃO DO BRASIL PARA A EXPOSIÇÃO MUNDIAL DE NOVA IORQUE - PARTICIPAÇÃO - Com Lucio Costa
      • Nova York, Estados Unidos
  • 1938
    • GRANDE HOTEL DE OURO PRETO
      • Ouro Preto, MG, Brasil
  • 1937
    • OBRA DO BERÇO
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil
  • 1936
    • MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E SAÚDE - PARTICIPAÇÃO - Equipe: Lucio Costa, Jorge Moreira, Ernani Vasconcellos, Affonso Eduardo Reidy, Carlos Leão
      • Rio de Janeiro, RJ, Brasil


Veja ainda:






0 comentários:

Obrigado pelo seu comentário, ele estará visível assim que for aprovado.

Comentários anônimos podem ser publicados, porém não serão respondidos. Então, se quiser uma resposta, identifique-se. Ok?

Mais uma coisa, dependendo da correria do dia a dia, pode ser que eu demore um pouquinho para responder, mas pode ficar tranquilo que, cedo ou tarde, responderei.

Um abraço do professor Júnior