Nas férias, coloque a cabeça para pensar

10:30 Junior Lopes 2 Comentários

Bíblia
"Toda Escritura é divinamente inspirada..." (2 Timóteo 3:16)


Quem escreveu a Bíblia? (As Bíblias?)

Texto de Aldo Pereira


Texto publicado no jornal Folha de S. Paulo no dia 02 de janeiro de 2013.


Durante as férias parece que todos ficam com preguiça de pensar, mas este é um período que podemos aproveitar para colocarmos as leituras em dia, enriquecendo assim nosso vocabulário, ampliando nossos conhecimentos.
Sei que muitos alunos torcem o nariz para os jornais impressos, preferindo uma leitura rápida na internet ou, quando muito, acompanhar as notícias por meio de jornais televisivos. Mas já pudemos perceber em nossas aulas como os materiais impressos são ricos em informações e opiniões, por isso sempre que possível, temos alguma atividade envolvendo matérias de jornais de grande circulação.

Quando iniciamos nossos conteúdos anuais, principalmente no 6º ano do Ensino Fundamental, mas também no 1º ano do Ensino Médio, deparamo-nos com questões que colocam vários pontos de interrogação na cabeça dos alunos em relação às suas crenças religiosas e às explicações científicas que analisamos, seja em Geografia, quando estudamos a origem do nosso Sistema Solar ou do ser humano, seja em História, quando estudamos assuntos relacionados aos acontecimentos que se passaram antes de Cristo, à civilização romana, às religiões.

Por isso, aliando um desses conteúdos polêmicos e a leitura de jornais, sugiro o texto de Aldo Pereira, publicado no jornal Folha de São Paulo. Clique no link abaixo para ler o texto na íntegra e boa leitura.

"A Bíblia cristã já foi bem diferente. Antes do século 13, nenhum livro dela se dividia em capítulos como hoje; numeração dos versículos é invenção do século 16. Ao longo da era cristã, a Bíblia passou por acréscimos de livros e expurgo de outros, tidos como "apócrifos". Este eufemismo conota faltar ao texto a tal inspiração divina. Bíblias protestantes excluem como apócrifos treze livros da Bíblia católica, inclusive os dois Macabeus.

Autenticar inspiração de cada livro abrangeu discórdia furiosa, tortura, hereges à fogueira, até guerras, disputas que remontam a indicações aceitas ou rejeitadas, por votação, em sínodos e concílios (assembleias de bispos). De cada um deles resultava um cânone, coleção de material atestado como autêntico; isto é, de inspiração divina." (...)

2 comentários:

  1. Muito Legal Junior Gostei de nossas aulas de história principalmente sobre a idade média :) abraço de Marcos Filho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal, Marcos Filho!!!!!! Esse ano nós conhecemos a Idade Média no Oriente. No próximo ano conheceremos a Idade Média no Ocidente, tenho certeza que você gostará de saber sobre as relações sociais na Idade Média, a Peste Negra, a Inquisição....

      Te vejo lá!

      Excluir

Obrigado pelo seu comentário, ele estará visível assim que for aprovado.

Comentários anônimos podem ser publicados, porém não serão respondidos. Então, se quiser uma resposta, identifique-se. Ok?

Mais uma coisa, dependendo da correria do dia a dia, pode ser que eu demore um pouquinho para responder, mas pode ficar tranquilo que, cedo ou tarde, responderei.

Um abraço do professor Júnior