Glossário: Islamismo.

23:56 Junior Lopes 21 Comentários

Islamismo | www.professorjunioronline.com

Glossário 

Islamismo 


6º ano - Colégio Construindo o Saber


Trabalho realizado com os alunos do 6º ano...



Diante da enorme quantidade de palavras novas aos alunos do 6º ano, resolvemos criar um glossário sobre o Islamismo.

A sala foi dividida em equipes e as pesquisas foram realizadas, principalmente, pela internet.



Cada equipe selecionou as palavras desconhecidas e seus significados relacionados ao Islamismo e vão publicá-las na forma de comentário a esta postagem. Existem muitas palavras repetidas nas diferentes equipes, já que as mesmas foram retiradas da leitura de um texto comum a todas elas.

Para conferir o glossário, vá até os comentários, logo abaixo desta postagem.






21 comentários:

  1. Júnior esse é o trabalho da Sara Vernillo, Camila e Francielly.

    PEREGRINAÇÃO: Jornada a lugares santos ou de devoção.

    NÔMADES :Que vivem da caça, pesca e coleta de frutos e raizes , quando o alimento faltava eles mudavam de lugar em busca de alimento.

    SEMITA: Indivíduo dos semitas, familia etnográfica que abrange os hebreus, assírios, arameus, fenícios e árabes.

    TEOCRÁTICO: Governo de Deus.

    CALIFA: Sucessor do Profeta Maomé.

    CALIFADO: Jurisdição de califa; governo de califa.

    ABU BAKR: Foi um dos companheiros de Maomé. Foi o primeiro califa do Islão.

    AIATOLÁ: Alto dignatário da hierarquia religiosa.

    ALÁ: Designação muçulmana de Deus.

    CAABA: Santuário venerado pelos muçulmanos como o local mais sagrado da Terra.

    CORAIXITA: Tribo árabe a qual pertencia Maomé.

    EMIR: Título que designa, originariamente o chefe do mundo muçulmano.

    ANJO GABRIEL: O islã acredita que Gabriel teria sido o meio pelo qual Deus optou por revelar o Corão a Maomé, e que através dele teria enviado uma mensagem para o profeta revelando-lhe suas obrigações.

    HAJJ:É o nome da peregrinação que muitos muçulmanos fazem todos os anos até a cidade de Meca.

    PENINSULA ARÁBICA:É uma vasta península localizada na junção da África e da Ásia e também berço do islamismo.

    5 PILARES DE ISLÃ: São o suporte da vida islâmica. Eles são o TESTEMUNHO DE FÉ, A ORAÇÃO, PAGAR O ZAKAT(APOIAR OS NECESSITADOS), JEJUAR DURANTE O MÊS DE RAMADÃ, E A PEREGRINAÇÃO A MECA UMA VEZ NA VIDA PARA AQUELES QUE SÃO CAPAZES.

    ISLÃ:A civilização que se ergueu sobre a base da fé islâmica.

    ISLÂMISMO: Religião muçulmana.

    JIHAD (DJAIHAD):É um termo árabe que significa "luta", "esforço" ou "empenho".

    MECA:É uma cidade na Arábia Saudita considerada a mais sagrada do mundo para os muçulmanos.

    MAOMÉ: Fundador do Islamismo.

    MUÇULMANO: Maometano(que segue as ideias de Maomé).

    MESQUITA:É um local de culto para os seguidores do Islã.

    ALCORÃO:É um livro sagrado do Islã.

    YATREB/MEDINA: É Uma cidade localizada no oeste da Arábia Saudita, na região de Hejaz. Maomé trocou de Yatreb para Medida que significa " Cidade do Profeta" assim ele unificou as tribos na finalidade de se dedicar a Alá e a difusão do islamismo.

    SUNITAS: São os povos seguidores do Islamismo, conhecidos como "Povo Suna e da Coletividade".

    XIITA:É uma seita do Islamismo, que significa "Partidários de Ali"

    Xã: Titúlo dado ao soberano do Islã.

    Ramadã: É o nono mês do calendário islâmico, momento em que os muçulmanos celebram a revelação do Corão.

    SALAH: Refere-se a 5 orações públicas que todo muçulmano deve fazer diariamente.

    Sharia: É um termo árabe que significa "caminho", mas , que historicamente, dentro da religião islâmica tem sido empregado para se referir ao conjunto de leis da fé, compreendida pelo Alcorão.

    SUNA: Livro que alguns consideram suplemento do Alcorão e que consiste em uma coletânea de preceitos e obrigações, tirados das práticas do Profeta.

    XEQUE: Chefe de tribo árabe, xeique.

    VIZIR: Ministro de príncipe muçulmano, antigo ministro árabe.

    BURCA: Tipo de uma veste feminina, usada por mulheres muçulmana, que cobre todo o corpo e apresenta uma estreita tela nos olhos.











    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok Sara...
      Tudo muito bem organizado!!!!!!
      Parabéns!!!

      Abraço!

      Júnior

      Excluir
  2. EQUIPE Maria Fernanda,Ana Beatriz,Luiz Eduardo
    Aqui a nossas PALAVRAS DESCONHECIDAS DO ISLAMISMO

    Pilares do Islã: É o nome dado aos cinco principais atos exigidos do Islamismo. São eles: O testemunho de fé; oração; pagamento do Zakat (apoios aos necessitados); jejum no mês de Ramadã; peregrinação a Meca.
    Islã: O grupo das nações modernas que tem o Islamismo como religião dominante.
    Islamismo: religião caracterizada por monoteísmo fundada pelo profeta Maomé.
    Meca: É uma cidade no oeste da Arábia Saudita e foi onde nasceu o profeta Maomé.
    Maomé: Foi um líder religioso e político árabe.
    Muçulmano: É o seguidor da fé islâmica.
    Mesquita: É um local de culto para os seguidores do Islã.
    Alcorão: Livro sagrado que contém código religioso, moral e politico dos muçulmanos.
    Yatreb/Medina: É uma cidade localizada no oeste da Arábia Saudita. Quando o profeta Maomé entrou na cidade durante o episódio da história do Islamismo conhecido como Hégira, passou a ser designada como Yathreb.
    Salat: No islã, a oração (também chamada de “salat” ou reza).
    Xã: A palavra vem do persa xah, que significa “rei”, designa líderes políticos da Pérsia, o atual Irã. Os governantes continuaram a ser chamado de xã mesmo depois da a região ser invadida pelos Árabes.
    Abstinência: Privação, deixar de fazer algo que goste.
    Califas: Soberano, muçulmano e chefe religioso.
    Nômades: Diz ser a tribo ou povos que estão sempre a deslocar em busca de alimentos, que leva a vida errante. Pessoas nômades.
    Beduínos: São os árabes que vivem no deserto, eles compõe 10% da população do Oriente Médio.
    Alá: Palavra arábica para Deus.
    Sunitas: Nome dado as palavras e atos de Maomé e seus primeiros seguidores.
    Suna: Livro dos mulçumanos, que conta os ditos e os feitos de Maomé.
    Teocrático: Relativo a teocracia. (teocracia é constituição ou governo de um país do qual Deus é encarnado como o único Deus soberano).
    Bagdá: Capital do Iraque e da província de Bagdá.
    Aitolá: Líder espiritual entre os Islâmicos.
    Burka: Veste feminina que cobre o corpo todo.
    Caaba: Templo em Meca onde está enterrado o profeta Maomé.
    Califado: Jurisdição de Califa, Governo de Califa.
    Coraixita: Tribo Árabe dominante na cidade de Meca.
    Emir: Título dado aos chefes em algumas regiões muçulmanas.
    Anjo Gabriel: Revelou o corão ao profeta Mahammad.
    Hajj: Pregrinação dos muçulmanos até Meca.
    Península Arábica: É uma vasta península localizada na junção da África e Ásia.
    Xiita: Os xiitas consideram Ali o primo e genro do profeta Maomé, o sucessor legítimo da autoridade islâmica.
    Ramadã: O nono mês do calendário islâmico. É o mais importante, por ser um dos cinco pilares do Islam.
    Abu Bakr: Foi um dos companheiros de Maomé, foi o primeiro califa, foi um dos primeiros a acreditar em Maomé como profeta.
    Pedra Negra: É uma relíquia muçulmana, que segundo a tradição islâmica, se remonta aos tempos de Adão e Eva, localizada na Caaba.
    Vizir: Ministro de um soberano Muçulmano.
    Xeque: “Ancião, chefe, soberano”. É um formula honorífica com o significado de líder ou governador.

    Equipe:
    Ana Beatriz
    Luis Eduardo
    Maia Fernanda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Ok pessoal,
      tudo certo!

      Parabéns!

      Abraço!

      Excluir
  3. Grupo Isabella/Adriene/Ana Julia
    Continuação
    Yatreb: Nome mudado para Medina que tem significado “cidade do profeta”. Até 622,quando o profeta Maomé entrou na cidade durante o episódio da história,passou a ser designada como Yathrib,grafada ainda como Latreb.Do ponto de vista hitórico religioso,Medina foi a primeira cidade religioiso,Medina foi a primeira cidade regida por princípio teocrático adotado pelp profeta Maomé,profusor do islamismo
    **Medina: Uma cidade localizada no Oeste da Arábia Saudita,na região no Hejaz que e uma ciade sagrada do islamismo.por onde Maomé passou que foi chamada de Yatreb mais que foi mudada a chega de Maomé que mudou-se para Medina
    Sunita: São os povos seguidores do islamismo
    Xiita: Uma seita do Islamismo
    Ramadã: E o nome do nono mês no calendário islâmico
    Salah: Um dos 5 pilares do islamismo
    Sharia: É o nome que se dá ao direito islâmico.Em várias sociedades islâmicas ao contrário do que ocorre na maioria das sociedades ocidentais, não há separação entre a religião e o direito, sendo todas as leis fundamentadas na religião e no direito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok Isa,

      mas se esta é a continuação, não recebi a primeira parte, tente novamente, ok?

      Abraço!

      Excluir
  4. GLOSSARIO
    HÉGIRA: ERA MUÇULMANA QUE TEM POR PONTO DE PARTIDA A FUGA DE MAOMÉ DE MECA PARA MEDINA,EM 622 DA NOSSA ERA.

    ABU BAKR: FOI UM DOS COMPANHEIROS DE MAOMÉ. FOI O PRIMEIRO CALIFA DO ISLÃ. RICO E HONRADO COMERCIANTE DE MECA, ELE FOI UM DOS PRIMEIROS A ACREDITAR EM MAOMÉ COMO PROFETA E O ÚNICO QUE O ACOMPANHOU NA HÉGIRA.

    AITOLÁ: LÍDER ESPIRITUAL ENTRE OS ISLAMICOS XIITAS.

    ALÁ: NA CULTURA E NA RELIGIÃO MUÇULMANA, É A DENOMINAÇÃO DO NOME DE DEUS O CRIADOR DE TODAS AS COISAS E AQUELE QUE DEU A MOISÉS A LEI RELIGIOSA, PARA OS JUDEUS E SUCESSIVAMENTE AOS MUÇULMANOS ATRAVÉS DO SEU PROFETA MAOMÉ.

    *BURKA: É UM TIPO DE VESTIMENTAUSADA EM PÚBLICO POR MULHERES MUÇUMANAS DE ALGUNS PÍSES ÁRABES ,QUE COBRE O CORPO TODO E TODA A CABEÇA.

    *CAABA: Templo de veneração do profeta Maomé, em Meca.

    VIZIR: MINISTRO DE PRÍNCIPE MUÇULMANO, ANTIGO MINISTRO ÁRABE.

    CALIFA: SOBERANO MUÇULMANO CHEFE RELIGIOSO.

    XÃ: TÍTULO DO SOBERANO DA PÉRSIA.

    *XIITA: um grupo ainda hoje minoritário e que se caracteriza por ser tradicionalista, conservando as antigas interpretações do Alcorão e da Lei Islâmica, a Sharia.

    *SUNITAS: primeiro por divergirem da concepção sucessória dos xiitas e, segundo, por sempre atualizarem suas interpretações do livro sagrado do Alcorão e da Lei Islâmica, levando em consideração as transformações pelas quais o mundo passou e valendo-se de outra fonte além das citadas, a Suna.

    RAMADÃ: É O NONO MÊS DO CALENDÁRIO ISLÃMICO.

    SHARIA: CÓDIGOS DE LEI DO ISLÃMISMO.

    XEQUE: CHEFE MUÇULMANO EM TERRITÓRIO DE EXTENÇÃO VARIADA.

    JIHAD: dever religioso dos muçulmanos de defender o Islã através de luta. Pode ser cumprido, doutrinariamente falando, de quatro formas: pelo coração, purificando-se espiritualmente na luta contra o diabo; pela língua e pelas mãos, difundindo palavras e comportamentos que defendam o que é bom e corrijam o errado, ou pela espada praticando a guerra física.

    pate 1 trabalho do JONAS,GABRIEL D,SARA H

    ResponderExcluir

  5. SALAH: É UM DOS 5 PILARES DA FÉ ISLAMICA E UM DEVER RELIGIOSO OBRIGATÓRIO PARA TODO MUÇULMANO.

    *SUNA: livro onde estão compilados os grandes feitos e exemplos do profeta Maomé. Daí deriva o nome sunita.

    OUTRA RESPOSTA PARA SUNA: “livro dos muçulmanos, que contém os ditos e os feitos de Mafoma [Maomé]”. Na cultura árabe, a palavra tem o significado literal de “caminho trilhado”, ou seja, as veredas que foram seguidas pelo profeta, das quais surgiram suas tradições.

    ISLAMISMO: RELIGIÃO MUÇULMANA.

    MUÇULMANO: É TODO O INDIVÍDUO QUE ADERE AO ISLÃO.

    MESQUITA: TEMPLO MUÇULMANO.

    ALCORÃO: LIVRO SAGRADO DO ISLAMISMO.

    PEDRA NEGRA: é uma pedra escura, que segundo a uma lenda ficou assim por causa dos pecados. É uma das relíquias mais sagradas do Islã e, segundo a tradição muçulmana, remonta ao tempo de Adão e Eva Segundo a tradição, a pedra foi recebida por Abraão das mãos do anjo Gabriel (Arcanjo Gabriel).

    PENINSULA ARÁBICA: Vasta península localizada na junção da África e da Ásia, a leste da Etiópia e ao norte da Somália, ao sul da Palestina, da Jordânia e da Mesopotâmia, e ao sudoeste do Irã. É uma região majoritariamente de clima desértico.

    5 PILARES DO ISLÃ: Os cinco pilares do Islamismo ) é o nome dado aos cinco principais atos exigidos do Islamismo, sendo que este termo não é usado no islamismo xiita.
    Os cinco pilares são:
    • Fé — professar e aceitar o credo
    • Oração — orar cinco vezes ao longo do dia
    • Caridade — pagar dádivas rituais
    • Jejum — observar as obrigações do
    • Peregrinação — fazer a peregrinação a Meca

    ISLÃ: é uma religião abraâmica monoteísta articulada pelo Alcorão, um texto considerado pelos seus seguidores como a palavra literal de Deus.

    MECA: é uma cidade da Arábia Saudita considerada a mais sagrada no mundo para os muçulmanos, situada na província homônima.

    MAOMÉ: foi um líder religioso e político árabe. Segundo a religião islâmica, Maomé é o mais recente e último profeta do Deus de Abraão.



    *YATREB: A CIDADE DE YATREB, DEPOIS DE MEDINA ``A CIDADE DO PROFETA´´,RECEBEU MAOMÉ E SEUS SEGUIDORES, ADERINDO À RELIGIÃO ISLÂMICA E DIVUGANDO-A ENTRE OS BEDUÍNOS DO DESERTO.

    *MEDINA: FOI A PRIMEIRA CIDADE REGISA POR PRINCÍPIOS TEOCRÁTICOS ADOTADOS PELO PROFETA MAOMÉ,PRUFUSOR DO ISLÂMISMO.

    CALIFADO: JURISDIÇÃO DE CALIFA,GOVERNO DE CALIFA.

    EMIR: PESSOA DESCENDENTE DE MAOMÉ.

    CORAIXITA: eram os integrantes da tribo árabe dominante na cidade de Meca durante o surgimento do islamismo.

    ANJO GABRIEL: No Islã, acreditam que Gabriel teria sido o meio pelo qual Deus optou por revelar o Corão a Maomé.

    HAJJ: é o nome da peregrinação que milhões e muçulmanos fazem todos os anos até a cidade de Meca, na Arábia Saudita.



    EQUIPE: GABRIEL DOMINGUES, JONAS, SARA HARUMI.
    parte 2

    ResponderExcluir
  6. Equipe: Eduarda Bavati,Maria Eduarda Menossi,Gabriel Carnevalli.
    (Parte 1)
    Vizir: Ministro de príncipe mulçomano (antigo ministro Árabe).
    Burka: É uma peça de vestuário que cobre o corpo e o rosto completamente.
    Hajj: É um nome que foi dado à peregrinação realizada à cidade de Meca pelos muçulmanos.
    Jihaad ou Djihad: É um dever religioso para os mulçumanos.
    (Significado: Em árabe, jihaad significa "esforço", "luta" "resistência" ou "guerra travada em nome de um ideal religioso.")
    Xiita: Xiita é uma seita do Islamismo, que significa "partidários de Ali". Os xiitas consideram Ali (o primo e genro do profeta Maomé) o sucessor legítimo da autoridade islâmica.
    Xã ou Xá: Título do soberano da Pérsia (atual Irã).
    Caaba: Templo em Meca,onde está enterrado o profeta Maomé.
    Pedra negra: É uma pedra escura, que segundo a uma lenda ficou assim por causa dos pecados. É uma das relíquias mais sagradas do Islã e, segundo a tradição muçulmana, remonta ao tempo de Adão e Eva. Segundo a tradição, a pedra foi recebida por Abraão das mãos do anjo Gabriel (Arcanjo Gabriel).
    Xeque: Chefe da tribo Árabe.
    Meca: É uma cidade da Arábia Saudita considerada a mais sagrada no mundo para os muçulmanos.
    Ramadá ou Ramadã: O Ramadã é o nono mês do calendário islâmico, no qual se acredita que o profeta Maomé recebeu a revelação da parte de Alá.
    Califado: Jurisdiciação de Califa (Governo de Califa).
    Península Árabica: É uma Área geográfica, sem fronteiras claras, com seu centro no Mediterrâneo oriental bacia o clima é quente e seco, hoje a região é caracterizada por fortes tensões políticas, como a questão da Palestina / Israel.
    O islamismo é a religião dominante da região e também a região principal para a cultura e para a política.
    A região vem enfrentando nas últimas décadas vários conflitos, sendo que o principal deles envolve disputas territoriais, entre árabes e israelenses, na região da Palestina.
    Maomé: Maomé foi um líder religioso e político árabe. Segundo a religião islâmica, Maomé é o mais recente e último profeta do Deus de Abraão.
    Abu Bakr: Foi um dos companheiros de Maomé, rico e honrado comerciante da Meca, foi um dos primeiros a acreditar em Maomé como profeta.
    5 pilares do Islã: Nome dado aos cinco principais atos exigidos do Islamismo, sendo que este termo não é usado no islamismo xiita.
    Os cinco pilares são:
    Fé — professar e aceitar o credo,
    Oração — orar cinco vezes ao longo do dia,
    Caridade — pagar dádivas rituais,
    Jejum — observar as obrigações do Ramadão,
    Peregrinação — fazer a peregrinação a Meca.
    Emir: Emir ou Amir é como se fosse um título de nobreza equivalente a príncipe (termo que, em língua árabe, significa "comandante")
    Yatreb: (Mais conhecida como Medina), é uma cidade localizada no oeste da Arábia Saudita, na região do Hejaz. O aglomerado possui cerca de 1 milhão e 300 mil habitantes e é uma das cidades sagradas do islamismo.
    Suna: Suna significa “livro dos muçulmanos”, que contém os ditos e os feitos de Maomé.
    Alá: Palavra utilizada no árabe para designar Deus.
    Islã: Uma religião, monoteísta articulada pelo Alcorão.
    Califa: Soberano muçulmano e chefe religioso.
    Muçulmano: Maometano.
    Mesquita: templo muçulmano.
    Maometano: Adepto da religião de Maomé.
    Beduíno: Árabe nômade do deserto.
    Teocrático: Que diz respeito à teocracia. (Governo em que o poder reside na classe sacerdotal).
    Ablução: lavagem; banho de todo o corpo ou de parte dele; batismo pela água.
    Aiatolá: O Aiatolá é visto, entre os muçulmanos xiitas, como o líder que se encontra no mais alto posto da sua organização religiosa.

    ResponderExcluir
  7. Equpe:Eduarda Bavati,Maria Eduarda Menossi,Gabriel Carnevalli.
    (Parte 2)
    Alcorão: é o livro sagrado a todo o adepto da Religião Islâmica. Segundo o tradição, é o registro das palavras exatas reveladas por Deus (Allah) por intermédio do anjo Gabriel a Maomé (Mohammad), que o memorizou e ditou aos seus companheiros.
    Sharia: Sharia é um termo árabe que significa "caminho", mas, que historicamente, dentro da Religião Islâmica, tem sido continuamente empregado para se referir ao conjunto de leis da fé, compreendida pelo Alcorão, a Suna (obra que narra a vida do profeta Maomé), além de sistemas de direito árabe mais antigos, tradições paralelas, e trabalho de estudiosos muçulmanos ao longo dos primeiros séculos do Islã.
    Coraixita: Coraixitas eram os integrantes de uma tribo árabe dominante na cidade de Meca, durante o surgimento do islamismo. Era a tribo à qual pertencia a linhagem de Maomé, mas foi a primeira a liderar uma oposição à sua mensagem.
    Islamismo: religião caracterizada por monoteísmo estrito e síntese entre fé religiosa e organização sociopolítica, fundada pelo profeta árabe Maomé (570 ou 580-632), que codificou sua doutrina em um livro sagrado, o Corão, que se tornou o fundamento escrito da fé muçulmana.
    Sunita: Recebe o nome de sunita aquele adepto do islamismo que segue a corrente majoritária da religião em todo mundo, considerado muitas vezes como uma versão mais ortodoxa da fé.
    Salah: Salah refere-se às cinco orações públicas que cada muçulmano deve realizar diariamente, voltado para Meca. Há cinco salás diários.
    Medina: é uma cidade localizada no oeste da Arábia Saudita, na região do Hejaz. O aglomerado possui cerca de 1 milhão e 300 mil habitantes (estimativa 2006) e é uma das cidades sagradas do islamismo. Até 622, quando o profeta Maomé entrou na cidade durante o episódio da história do Islamismo conhecido como Hégira, passou a ser designada como Yathrib, grafada ainda como Iatreb. Do ponto de vista histórico-religioso, Medina foi a primeira cidade regida por princípios teocráticos adotados pelo profeta Maomé, profusor do islamismo.

    ResponderExcluir
  8. Júnior, esse trabalho é da Beatriz Pançan,Davi Aoki e Maria Eduarda Masteline
    TRABALHO-HISTÓRIA
    CAABA: construção simples em forma de cubo, onde se reverencia um meteorito negro, se encontra em Meca; acredita-se ser um monumento construído originalmente por Adão e depois reconstruído por Abraão. E o ponto focal das orações muçulmanas.
    HÉGIRA: Era mulçumana que tem por ponto de partida a fuga de Maomé no ano de 622 da nossa era.
    PEDRA NEGRA: A Pedra Negra encontra-se em uma construção chamada Caaba, na mesquita sagrada de Masjid al-Haram em Meca, para onde se voltam os muçulmanos em suas preces diárias. Sua aparência física é a de uma rocha fragmentada escura, polida pelas mãos de milhões de peregrinos.
    CALIFA: Chefe muçulmano.
    MAOMETANOS: Seguidores do islamismo.
    BEDUINO: Arabe do deserto.
    EMIR: Título dos chefes de certas tribos ou províncias muçulmanas.
    MECA: Cidade natal de Maomé e o lugar mais sagrado da reunião e da religião islâmica.
    MESQUITA: O templo dos muçulmanos.
    ABLUÇÃO: Lavagem do corpo ou parte dele.
    ABU BAKR: foi um dos companheiros de Maomé
    MAOMÉ: Foi um líder religioso e político árabe.

    CORAIXITAS: Eram os integrantes da tribo árabe dominante na cidade de Meca durante o surgimento do islamismo. Era a tribo à qual pertencia a linhagem de Maomé, assim como a primeira a liderar uma oposição inicial à sua mensagem.
    AIATOlÁ:É considerado sob as leis do ISLÃO xiita o mais alto dignitário na
    hierarquia religiosa.
    XIITA:Membro dos xiitas,partidários de ALI, primo e gênro de MAOMÉ.
    ALÁ: É a denominação do nome Deus o criador de todas as coisas,na religião muçulmana.
    BURKA: É um tipo de vestimenta, usada em público por mu-
    lheres muçulmanas de alguns países árabes , que cobre
    todo o corpo e toda a cabeça e que permite a visão através
    de uma tela na altura dos olhos.
    CORÃO: É o livro sagrado do islamismo .
    SUNA: Entre os muçulmanos, conjunto de preceitos, práticas e costumes tradicionais, orientadores da vida e da ação em sociedade, estabelecido e codificado no século VIII, com base nas palavras e feitos de Maomé e dos quatro califas ortodoxos, e que alguns consideram o corpo normativo e legal suplementar ao Corão e logo abaixo dele, em importância.

    ResponderExcluir
  9. ANJO GABRIEL: O Profeta do Islã o viu em sua forma original. Entre os que servem o Trono de Deus está entre os anjos mais importantes.
    Islamismo: ou Islã é uma religião monoteísta fundada pelo profeta Maomé no início do século VII. "Islã" é uma palavra árabe que significa "submissão" ou "rendição" e se refere àqueles que obedecem a “Alá”, o único e verdadeiro Deus, o criador, o provedor e o ceifador da vida. Aquele que segue a fé Islâmica é chamado de muçulmano.
    HAJJ: A palavra “Hajj” significa a intenção de visitar. O Alcorão Sagrado mudou o seu significado linguístico geral para um significado específico, denominando um ritual islâmico em particular, um dos pilares da prática do islamismo.
    YATREB: A cidade de Yatreb, depois Medina, “a cidade do profeta”, recebeu Maomé e seus seguidores, aderindo à religião islâmica e divulgando-a entre os beduínos do deserto.
    MEDINA: é uma das cidades sagradas do islamismo. Até 622, quando o profeta Maomé entrou na cidade durante o episódio da história do Islamismo conhecido como Hégira, passou a ser designada como Yatreb. Do ponto de vista histórico-religioso, Medina foi a primeira cidade regida por princípios teocráticos adotados pelo profeta Maomé, profusor do islamismo.
    PENÍNSULA ARÁBICA: é uma região desértica do Oriente Médio banhada pelo mar Vermelho e pelas águas do oceano Índico. Do ponto de vista histórico, esta região ficou bastante conhecida como berço de uma das mais importantes religiões do mundo, o islamismo. Surgida no século VII, esta religião estabeleceu mudanças significativas nas configurações políticas, econômicas e culturais de todo o mundo árabe.
    SUNITA: Relativo a ou indivíduo dos sunitas, muçulmanos ortodoxos que reconhecem a autoridade dos quatro primeiros califas.

    5 PILARES DO ISLÃ: Os Cinco Pilares do Islã são o suporte da vida islâmica. Eles são: o testemunho de fé; a oração; pagar o zakat (apoiar os necessitados); jejuar durante mês de Ramadã; Peregrinação à Meca uma vez na vida para aqueles que são capazes.



    ResponderExcluir
  10. ISLÃ: É uma religião abraâmica monoteísta articulada pelo Alcorão, um texto considerado pelos seus seguidores como a palavra literal de Deus (Alá, em árabe: الل; transl.: Allāh), e pelos ensinamentos e exemplos ...

    ISLÃMISMO: Religião caracterizada por monoteísmo estrito e síntese entre fé religiosa e organização sociopolítica, fundada pelo profeta árabe Maomé (570 ou 580-632), que codificou sua doutrina em um livro sagrado, o Corão, que se tornou o fundamento escrito da fé muçulmana.

    JIHAD: Dever religioso dos muçulmanos de defender o Islã através de luta [Pode ser cumprido, doutrinariamente falando, de quatro formas: pelo coração, purificando-se espiritualmente na luta contra o diabo; pela língua e pelas mãos, difundindo palavras e comportamentos que defendam o que é bom e corrijam o errado; ou pela espada, praticando a guerra física.].

    MUÇULMANO: É todo o indivíduo que adere ao Islão, uma religião monoteísta centrada na vida e nos ensinamentos de Maomé, e que recebeu revelações do Arcanjo Gabriel. Além disso, os muçulmanos também dão ênfase aos dogmas da oração, jejum no mês deRamadã, peregrinação em Meca e o estudo do Alcorão.

    ALCORÃO: É um dos livros mais lidos e publicados no mundo. É prática generalizada na maioria das sociedades muçulmanas que o Alcorão não seja vendido, mas sim dado.O livro sagrado do Islã. Os muçulmanos creem (AO 1943: crêem) que o Alcorão é a palavra literal de Deus (Alá) revelada ao profeta Maomé (Muhammad) ao longo de um período de vinte e três anos. A palavra Alcorão deriva do verbo árabe que significa declamar ou recitar; Alcorão é portanto uma "recitação" ou algo que deve ser recitado.

    RAMADÃ: Nono mês, de 30 dias, do calendário islâmico, durante o qual os muçulmanos devem jejuar do levantar ao pôr do sol.

    SALAH: Refere-se às cinco orações públicas que cada muçulmano deve realizar diariamente, voltado paraMeca. Há cinco salás diários.

    SHARIA: É o código de leis do islamismo. Em várias sociedades islâmicas atuais, ao contrário da maioria dos países ocidentais, não há uma separação clara entre a religião e o Estado ou entre a religião e a justiça.

    VIZIR: Era um ministro e conselheiro de um sultão ou rei da antiga Pérsia e, posteriormente, de um país islâmico. O termo significa "ajudante".

    XÁ: Denominação atribuída a uma série de monarcas iranianos que antecederam a revolução islâmica de 1979.

    XEQUE: chefe muçulmano em território de extensão variada (país, cidade, bairro ou tribo); xeique.
    ALI IBN ABI TALIB: Janeiro de 661) foi o quarto califa ou sucessor de Maomé, segundo os muçulmanos sunitas, e o primeiro califa segundo aos muçulmanos xiitas. Nascido em Meca, seu pai, Abu Talib, era tio do Profeta.


    FIM....

    ResponderExcluir
  11. COLÉGIO CONSTRUINDO O SABER
    PROFESSOR: JUNIOR
    TURMA: 6º ANO
    ALUNOS: GABRIEL FRANCO
    JOÃO GUSTAVO
    RICARDO

    TRABALHO DE HISTÓRIA: ISLAMISMO

    1ª PARTE - SIGNIFICADOS DAS PALAVRAS DO ISLAMISMO:

     YATREB: É UMA CIDADE PORTUÁRIA QUE TAMBÉM LUCRAVAM MUITO COM O COMERCIO E COM A TERRA FÉRTIL, MAIS TARDE PASSA CHAMAR DE MEDINA A CIDADE DO PROFETA.

     MEDINA: É UMA CIDADE A OESTE DA PENISULA ARÁBICA.

     SUNITA: É UMA SEITA DO ISLÃ, SÃO OS POVOS SEGUIDORES DO ISLAMISMO CONHECIDOS COMO “POVO DO SUNA E DA COLETIVIDADE”. O NOME DERIVA DO FATO DE AFIRMAREM SEGUIR O “SUNA”, OU “CAMINHO PERCORRIDO” (NOME DADO ÀS PALAVRAS E ATOS DE MAOMÉ E SEUS PRIMEIROS SEGUIDORES), E TAMBÉM POR AFIRMAREM SEGUIR OS CAMINHOS DA COLETIVIDADE DE MUÇULMANOS. A MAIORIA DOS MUÇULMANOS É SUNITA. OS MAIORES CONFLITOS ENTRE AS SEITAS SÃO CONFLITOS POLÍTICOS, E OS SUNITAS SÃO CONHECIDOS POR SEUS PROTESTOS ANTI-GOVERNAMENTAIS E CARROS-BOMBA.

     XIITA: É UMA SEITA DO ISLAMISMO, QUE SIGNIFICA "PARTIDÁRIOS DE ALI". OS XIITAS CONSIDERAM ALI (O PRIMO E GENRO DO PROFETA MAOMÉ) O SUCESSOR LEGÍTIMO DA AUTORIDADE ISLÂMICA. XIITA NÃO PODE SER CONFUNDIDO COM UMA RELIGIÃO ESPECÍFICA

     RAMADÃ: É O NOME DO NONO MÊS DO CALENDÁRIO ISLÂMICO.

     SALAH: SÃO OS POVOS QUE VIVIAM NO NORDESTE DA ARÁBIA.

     SHARIA: É O CÓDIGO DE LEIS DO ISLAMISMO. SHARIA É UM TERMO ÁRABE QUE SIGNIFICA "CAMINHO", DENTRO DA RELIGIÃO ISLÂMICA, TEM SIDO CONTINUAMENTE EMPREGADO PARA SE REFERIR AO CONJUNTO DE LEIS DA FÉ, COMPREENDIDO PELO ALCORÃO.

     SUNA: LIVRO DOS MUÇULMANOS, QUE CONTÉM OS DITOS E OS FEITOS DE MAFOMA [MAOMÉ]”. NA CULTURA ÁRABE, A PALAVRA TEM O SIGNIFICADO LITERAL DE “CAMINHO TRILHADO”, OU SEJA, AS VEREDAS QUE FORAM SEGUIDAS PELO PROFETA, DAS QUAIS SURGIRAM SUAS TRADIÇÕES. A IMPORTÂNCIA DA SUNA É ENORME PARA OS MUÇULMANOS, SOMENTE PERDE EM IMPORTÂNCIA PARA O ALCORÃO.

     VIZIR: É O MINISTRO DO PRÍNCIPE MUÇULMANO.

     XÃ: É UM TÍTULO SOBERANO DA PÉRSIA.

     XEQUE: É O CHEFE DE TRIBO ARÁBE.


     PEDRA NEGRA: É UMA PEDRA ESCURA, QUE SEGUNDO A UMA LENDA FICOU ASSIM POR CAUSA DOS PECADOS. É UMA DAS RELÍQUIAS MAIS SAGRADAS DO ISLÃ E, SEGUNDO A TRADIÇÃO MUÇULMANA, REMONTA AO TEMPO DE ADÃO E EVA. SEGUNDO A TRADIÇÃO, A PEDRA FOI RECEBIDA POR ABRAÃO DAS MÃOS DO ANJO GABRIEL (ARCANJO GABRIEL).

     PENISULA ARÁBICA: É UMA REGIÃO DESÉRTICA DO ORIENTE MÉDIO BANHADA PELO MAR VERMELHO E PELAS ÁGUAS DO OCEANO ÍNDICO.

     5 PILARES DO ISLÃ: SÃO O SUPORTE DA VIDA ISLÂMICA. ESTRUTURA DA VIDA DO MUÇULMANO DE FÉ A ORAÇÃO, INTERESSE POR O QUE NECESSITA A ALTO PRORIFICAÇÃO E PERIGUINAÇÃO ATÉ MAKKAH.
    SÃO ELES:
    1- CHAHADA OU PROFISSÃO DE FÉ. SUAS PALAVRAS PROCLAMAM A UNIDADE DE DEUS E A IMPORTÂNCIA DO PROFETA, É O TESTEMUNHO DA FÉ ISLÂMICA E CONDIÇÃO BÁSICA PARA A CONVERSÃO.
    2- SALAT OU ORAÇÃO. UM MUÇULMANO DEVE ORAR CINCO VEZES AO DIA VOLTADO PARA MECA.
    3- ZAKAT OU PURIFICAÇÃO. OS MUÇULMANOS SÃO OBRIGADOS A AJUDAR OS NECESSITADOS.
    4- SAWM OU JEJUM. ELE É PRATICADO DURANTE O RAMADÃ, NONO MÊS DO ANO LUNAR. OS MUÇULMANOS NÃO DEVEM COMER NEM BEBER DO AMANHECER ATÉ O FIM DA TARDE. O JEJUM É QUEBRADO AO ANOITECER, EM GERAL COM TÂMARAS E ÁGUA, ANTES DE SE FAZER UMA CEIA EM CASA.
    5- HADJ OU PEREGRINAÇÃO A MECA. É UMA PERIGNAÇAO QUE OCORRE AO MENOS UMA VEZ NA VIDA. É REALIZADO NO DÉCIMO SEGUNDO MÊS DO ANO, CONHECIDO COMO DHU AL-HIJJA. OS PEREGRINOS VESTEM ROUPAS BRANCAS SEM COSTURA (IHRAMS), TAMBÉM USADAS COMO MORTALHAS.
    OBS:Continuação abaixo...

    ResponderExcluir

  12. ALUNOS: GABRIEL FRANCO
    JOÃO GUSTAVO
    RICARDO

    2ª PARTE - SIGNIFICADOS DAS PALAVRAS DO ISLAMISMO:

     ISLÃ: É UMA REGIÃO MONOTEISTA REVELADA A MAOMÉ.

     ISLAMISMO: RELIGIÃO MUÇUMANA.

     JIHAD: É UM TERMO ÁRABE QUE SIGNIFICA “LUTA”, “ESFORÇO” OU EMPENHO, É MUITAS VEZES CONSIDERADO UM DOS PILARES DA FÉ ISLÂMICA, QUE SÃO DEVERES RELIGIOSOS DESTINADOS A DESENVOLVER O ESPÍRITO DA SUBMISSÃO A DEUS. O TERMO JIHAD É UTILIZADO PARA DESCREVER O DEVER DOS MUÇULMANOS DE DISSEMINAR A FÉ MUÇULMANA. É TAMBÉM UTILIZADO PARA INDICAR A LUTA PELO DESENVOLVIMENTO ESPIRITUAL.

     MECA: É UMA CIDADE DA PRAIA SALDITA MUITO IMPORTANTE PARA OS MUÇULMANOS.

     MAOMÉ: É O PROFETA QUE DESCOBRIU O ISLÂMISMO.

     MUÇULMANO: É TODO O INDIVÍDUO QUE ADERE AO ISLÃO, UMA RELIGIÃO MONOTEÍSTA CENTRADA NA VIDA E NOS ENSINAMENTOS DE MAOMÉ.

     MESQUITA: É UM TEMPLO USADO PARA CULTO PELOS MUÇUMANOS.

     ALCORÃO: É O LIVRO SAGRADO DOS MUÇUMANOS.

     ABU BAKR: FOI O PRIMEIRO HOMEM CONVERTIDO AO ISLÃO, ALEGAÇÃO QUE É CONTESTADA POR HISTORIADORES MUÇULMANOS QUE ATRIBUEM A PRIMEIRA CONVERSÃO MASCULINA AO FILHO ADOPTIVO DO PROFETA, ZAYD IBN HARITHAH, OU SEJA UM DOS LIDER DO ESTADO ISLÂMICO SENDO UM DOS COMPANHEIROS DE MAOMÉ.

     BURKA: É A ROUPA USADA PELAS MULHERES MUÇUMANAS.

     AIATOLÁ: É O LIDER ESPIRITUAL ENTRE O ESTADO ISLÂMICO.

     ALÁ: PALAVRA UTILIZADA PARA DESIGNAR DEUS.

     CAABA: É A CASA SAGRADA DE DEUS SITUADA NO MEIO DA MESQUITA SAGRADA NA CIDADE DE MECA, NA ARÁBIA SAUDITA.

     CALIFADO: É O CARGO DE JURIDIÇÃO DE CALIFA.

     CALIFA: É O CHEFE DOS MULÇUMANOS.

     CORAXITA: ERAM OS INTEGRANTES DA TRIBO ÁRABE DOMINANTE NA CIDADE DE MECA DURANTE O SURGIMENTO DO ISLAMISMO.

     EMIR: TÍTULO DADO AOS CHEFE DE ALGUMAS REGIÕES MUÇUMANAS.

     ANJO GABRIEL: É QUEM INTERMEDIOU AS VERDADES E PALAVRA DE DEUS NO ISLAMISMO.

     HAJJ: É UM RITUAL, QUE SIGNIFICA PERIGRINAÇÃO.



    PROFESSOR: JUNIOR
    TURMA: 6º ANO
    ALUNOS: GABRIEL FRANCO
    JOÃO GUSTAVO
    RICARDO

    ResponderExcluir
  13. trabalho do allan fernando paulo

    Xá : Soberano Persa
    Corão: livro sagrado das doutrinas de Maomé.
    Coraixita: uma tribo árabe dominante na cidade de Meca
    Islã: uma nação ou religião cujos preceitos se baseiam na fé
    Alcorão: é o livro sagrado a todo adepto da religião islâmica e o registro de palavras reveladas por Deus (Allah).
    Islamismo: religião que se baseia no culto de um só Deus, Alá.
    Caaba: é o santuário islâmico dentro no centro de Meca. Lugar sagrado para os islâmicos.
    Jihad: os muçulmanos se esforcem para levar a palavra sagrada de allha.
    Emir: Título que designa, originariamente, o chefe do mundo muçulmano. O território governado por um emir chama-se emirado.
    Ramadã: é o nono mês do calendário islâmico, durante este período o povo islâmico coloca em prática um ritual de jejum.
    Maomé: foi o fundador do islamismo
    Burka: símbolo do talibã afegão, é usado tradicionalmente por tribos, cobre a cabeça e o corpo das mulheres, exceto os olhos para permitir a visão através de uma rede.
    Hajj: É o nome dado à peregrinação realizada à cidade santa de Meca pelos muçulmanos
    Península Arábica: localiza – se no sudoeste da Ásia e terra natal do povo árabe e berço do islamismo.
    Sunita: Quer diz respeito à suna
    Suna: Conjunto de palavras e ações de Maomé e da tradição que a elas se refere.
    Vizir: Título usado em alguns países muçulmanos para designar autoridades como ministros de Estado. A palavra vizir vem da palavra árabe wazir, que quer dizer aquele que ajuda alguém a carregar um fardo.
    Anjo Gabriel: ele fez a revelação do Corão ao profeta Maomé
    Hégira: A fuga de Maomé de Meca para Medina, em 622 a. C.; esse ano foi adotado como o primeiro da era muçulmana.
    Medina: É uma cidade no oeste da Arábia Saudita, na região do Hajaz e é uma cidade sagrada do islamismo.
    Cinco pilares do islã:
    Oração: orar cinco vezes ao longo do dia,
    Caridade: pagar dádivas rituais,
    Jejum: observar as obrigações do Ramadã,
    **Peregrinação: E a quinta obrigação dos cinco pilares aonde os islâmicos vão a Meca ao Hajj
    Fé: professar e aceitar a crença em Alá
    Califa: Título assumido, após a morte de Maomé, pelos chefes, grandes políticos e religiosos muçulmanos.

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário, ele estará visível assim que for aprovado.

Comentários anônimos podem ser publicados, porém não serão respondidos. Então, se quiser uma resposta, identifique-se. Ok?

Mais uma coisa, dependendo da correria do dia a dia, pode ser que eu demore um pouquinho para responder, mas pode ficar tranquilo que, cedo ou tarde, responderei.

Um abraço do professor Júnior